E tome golpe no bolso! A Aneel Agência Nacional de Energia Elétrica) aprovou, nesta terça-feira (21), o reajuste nos valores das bandeiras tarifárias da conta de energia, que correspondem a uma cobrança extra quando ocorre aumento no custo de produção de energia do País.



De acordo com a proposta aprovada pela Aneel, a alta maior acontecerá no valor da bandeira vermelha patamar 1. O reajuste será de 63,7%. A amarela subirá 59,5% e a vermelha patamar 2, aumentará 3,2%.

A bandeira verde segue sem cobrança. Os valores passam a valer a partir de 1º de julho e seguirão até 2023.


Deixe seu Comentário